segunda-feira, 20 de novembro de 2017

No teu Olhar, de Nicholas Sparks


"Colin Hancock é jovem mas já viveu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Foi perante o abismo que tomou a corajosa decisão de começar de novo. Agora, o emprego num restaurante da moda pode não o satisfazer, mas o sonho de se tornar professor parece cada vez mais perto de se concretizar. Dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve é o seu grande e único objetivo… mesmo que o preço a pagar seja a solidão.

Maria Sanchez também deseja, acima de tudo, uma vida calma. Filha de imigrantes mexicanos, aprendeu desde cedo o valor do trabalho árduo, da ética e da lealdade. Para ela, bastam-lhe o emprego num prestigiado escritório de advogados e uma noite tranquila em casa para repôr as energias. Nem a insistência da sua irmã surte efeito. Com uma profissão tão arriscada, Maria aprecia a segurança que o isolamento lhe dá.

Colin e Maria não foram feitos um para o outro. Ele representa tudo aquilo que ela despreza, é o típico meliante que ela está habituada a ver atrás das grades. E quando se cruzam numa noite de tempestade, o fosso que os separa é profundo e evidente. Mas, a partir desse momento fortuito, as suas vidas não voltarão a ser as mesmas.

Conseguirão eles ver para além das aparências? Ler nos olhos do outro o que de mais profundo lhe vai na alma? Ceder à persistente memória daquela noite?"


Bem, ao ler este livro, saí do meu tipo de leitura preferido. O Nicholas Sparks tem alguns livros mais "melosos", que não são tanto a minha praia, mas este até surpreendeu! 
Duas personagens que não tem nada a ver um com o outro, mas que começam um romance. 
Colin é um rapaz que já teve imensos problemas, mas que actualmente tenta levar a sua vida de forma tranquila, fazendo imenso desporto, treinando MMA com afinco, controlando assim os seus impulsos mais violentos, e quem sabe, mais tarde retomar uma relação com os seus pais. 
Maria é uma rapariga atinada, advogada que trabalha numa firma de advogados respeitada, e que adora a família. Ambos se apaixonam! 
No entanto, a história não se centra só no romance deles. Maria começa a ser perseguida de uma forma doentia e Colin tudo faz para a ajudar. Um suspense, que torna este livro diferente!
Várias peripécias, que fazem a história ser muito interessante e chegar a um ponto de se querer ler até ao fim de uma assentada só. O fim não é assim tão previsível quanto se espera, e daí ser um livro que vale mesmo a pena ler.

Recomendo!

By Lum